Novidade no vestibular para indígenas da UNB: vinte vagas divididas entre primeiro e segundo semestre

vestibular indigenaO vestibular para indígenas, realizado pela Universidade de Brasília (UNB), no dia 17 de janeiro, teve 459 inscritos de 61 etnias diferentes. As provas foram aplicadas pelo CESPE-UnB nas cidades de Belém, Rio Branco, Porto Velho, Brasília, Governador Valadares, Maceió e João Pessoa. O número de inscritos, embora pouco menor que em 2008, esteve dentro das expectativas da Funai. O Coordenador de Apoio Pedagógico da Coordenação-Geral de Educação, Gustavo Menezes, ressalta que "o índice de abstenção que ficou em 37% não surpreendeu, esteve dentro do esperado devido as dificuldades de locomoção entre a aldeia e o local onde a prova é realizada".

Leia mais...

SescTV exibe documentário inédito sobre o universo das mulheres Xavante

Gravado na Aldeia Xavante Etenhiritipa, localizada na Terra Indígena Pimentel Barbosa, município de Canarana, Mato Grosso, o documentário Piõ Höimanazé – A Mulher Xavante em sua Arte apresenta, no dia 22 de janeiro, às 22h, o universo feminino das mulheres A'uwê – nome da língua falada pelos Xavantes, que se autodenominam A'uwê Uptabi, que quer dizer povo verdadeiro. Com roteiro e direção de Cristina Floria – que há 16 anos produz trabalhos nas aldeias Xavante – a produção é patrocinada pela Petrobras, com apoio institucional da Lei de Incentivo à Cultura / Secretaria do Audiovisual do Ministério da Cultura e co-produção do SescTV com A 2.0 Produções Artísticas.

Leia mais...

Livro Livre beneficia estudantes indígenas

livrolivreLivro Livre é um projeto da Coordenação de Apoio Pedagógico ligada a Coordenação Geral de Educação, que serve de apoio para pesquisas e vem atendendo às escolas em geral. Além disso, o projeto realiza o acompanhamento de 26 estudantes indígenas do Brasil. O Projeto Livro Livre foi criado como um adicional ao serviço já prestado pela biblioteca Curt Nimuendaju na sede da Funai, e surgiu há quase dois anos por uma iniciativa dos próprios servidores.

Leia mais...


Funai abre seleção para 60 vagas temporárias de nível superior

O edital para preenchimento de 60 vagas temporárias de nível superior na Funai foi publicado nesta quarta-feira (7). Os salários variam de R$ 3.800 a R$ 8.300. Os contratos terão duração de dois anos, mas poderão ser prorrogados. As provas objetivas e discursivas serão realizadas em Brasília, em um mesmo turno para todos os cargos/áreas de atuação.

Leia mais...

Destaques

class=Com uma produção anual de aproximadamente 70 toneladas de camarão, o Povo Potiguara fortalece a carcinicultura desenvolvida por cerca de 100 famílias indígenas na Paraíba. Por temporada, a atividade fatura o equivalente a...

class=Acesso à rica pluralidade de modos de vida e às belezas naturais das regiões mais conservadas do país é um dos benefícios usufruídos pelos turistas que escolhem as terras indígenas como destino de suas viagens. Para além...

class=A Campanha Abril Indígena 2019 foi aberta hoje (17) na sede da Funai com o lançamento da obra de ficção "O Sopro da Vida - Putakaryy Kaykary", do indígena Kamuu Dan Wapichana. Estiveram presentes no evento o ministro da...

 
 
 

acesso-informacao

banner 02

logo-ouvidoria

banner 04

banner 05