Funai e Defensoria Pública promovem emissão de documentos na aldeia Taquapery, Mato Grosso do Sul

doc cap edEm parceria com a Defensoria Pública do Mato Grosso do Sul, a Coordenação Regional de Ponta Porã/Funai realizou um mutirão de documentação na aldeia Taquapery, município de Coronel Sapucaia/MS. Indígenas das comunidades da região receberam certidões do Registro Administrativo de Nascimento de Indígena (RANI) e declarações de residência, documentos indispensáveis para obtenção de Registro Civil e benefícios sociais.


doc d edForam mais de 300 documentos emitidos pela força-tarefa composta por servidores da Funai e da Defensoria Pública estadual, que realizaram o atendimento nos dias 15 e 16 de agosto.

De acordo com o servidor da Funai, Bruno Dias, "eventos como esses servem para atenuar o problema de sub documentação crônica entre indígenas de Mato Grosso do Sul, além de assegurar-lhes a busca pela cidadania e autodeterminação", afirma.

O coordenador regional de Ponta Porã, José Vitor Dalla Nora, destaca que a parceria entre Funai e Defensoria Pública resultou em mutirões desse tipo em outros municípios do estado, como o de Amambaí-MS. "A Funai atua nas áreas de logística, organização, comunicação e articulação com as comunidades indígenas. Nosso objetivo nessas ações é garantir o máximo de participação e atender o máximo de pessoas possível que moram em região de fronteira", relata Dalla Nora.



Assessoria de Comunicação Social / Funai

com informações da Coordenação Regional de Ponta Porã-MS

Destaques

class=A Fundação Nacional do Índio, por meio da Coordenação Geral de Promoção aos Direitos Sociais (CGPDS), realizou a primeira reunião com a nova gestão da Secretaria Especial de Saúde Indígena (SESAI), com o objetivo de...

class=Defensores Públicos da União e dos Estados se reuniram na sede da Funai, em Brasília, para debater medidas capazes de efetivar o disposto na Resolução nº 287/2019, do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), que estabelece...

class=Equipamentos e maquinários utilizados na extração ilegal de madeira foram apreendidos na Terra Indígena Araribóia, no Maranhão, em uma manobra da Força-Tarefa de Proteção à Vida Indígena (FT-Vida). A ação ocorreu...

 
 
 

acesso-informacao

banner 02

logo-ouvidoria

banner 04

banner 05