Com lançamento de livro de autor indígena "O Sopro da Vida", Funai abre oficialmente a Campanha Abril Indígena

abril o edA Campanha Abril Indígena 2019 foi aberta hoje (17) na sede da Funai com o lançamento da obra de ficção "O Sopro da Vida - Putakaryy Kaykary", do indígena Kamuu Dan Wapichana. Estiveram presentes no evento o ministro da Secretaria de Governo, general Carlos Alberto Santos Cruz e a ministra da Mulher, Família e Direitos Humanos, Damares Alves.



Imagem da capa: a ministra Damares Alves recebe um exemplar do autor, Kamuu Dan Wapichana, ao lado do presidente da Funai, Franklimberg de Freitas

 

 

Participaram da cerimônia a secretária de Políticas de Promoção da Igualdade Racial, Sandra Terena, e o secretário de Promoção e Defesa dos Direitos da Pessoa Idosa, Antônio Costa. Na ocasião, também foi lançado o vídeo oficial da Campanha Abril Indígena, que este ano traz como tema os projetos de desenvolvimento sustentável produzidos por comunidades indígenas de todo país.

 

abril hDurante o discurso de abertura, o ministro general Santos Cruz afirmou que o evento, realizado antecipadamente em comemoração ao Dia do Índio, é uma oportunidade para que a situação dos índios seja reavaliada. "Essa realidade de uma nova visão. As comunidades indígenas precisam ter a sua liberdade produtiva. Precisam ser comunidades produtivas com alta qualidade de vida, e não na situação em que se encontram. Por isso, todas as portas do Governo têm de estar abertas para as comunidades indígenas", disse o ministro.

Em sua fala, a ministra Damares Alves disse ao auditório lotado que "nós não precisamos inventar muitas coisas neste momento. Basta a gente fechar a torneirinha corrupção, e a gente vai ver como vão sobrar recursos para fazer as políticas públicas. E nós da Funai estamos trabalhando nessa direção, buscando gerenciar de uma forma extraordinária o pouco recurso que nós temos", afirmou a ministra.

O presidente da Funai, Franklimberg de Freitas, saudou "a preocupação com que o general Santos Cruz tem demostrado a respeito dos nossos indígenas. O senhor tem deixado as portas abertas do seu gabinete para inúmeras lideranças comunitárias que vêm até Brasília para inúmeras demandas, e informado o posicionamento do Governo a respeito das políticas para a condução da política indigenista do país", concluiu Franklimberg de Freitas.

sopro ed































Assessoria de Comunicação Social

Fundação Nacional do Índio