Funai coopera com recadastramento eleitoral de comunidades Xavante de Barra do Garças-MT

xavante aCerca de 1.700 eleitores A'uwẽ Uptábi Xavante da Terra Indígena São Marcos devem realizar o recadastramento biométrico até o dia 29 de março. Durante este mês, um ônibus da prefeitura de Barra do Garças-MT tem feito o transporte diário de aproximadamente 100 indígenas até a sede do município para que possam se recadastrar. A Funai é uma das instituições que colaboram com a medida.


O titular da Coordenação Regional Xavante da Funai, Carlos Henrique da Silva, ressaltou a importância da Fundação no cumprimento de sua função institucional. "Estamos contentes de efetivar a principal prerrogativa da Funai: coordenar a política indigenista, que é papel de todo o Estado brasileiro. Essa iniciativa só se tornou viável graças ao efetivo envolvimento das lideranças e comunidades A'uwẽ Uptábi, que acompanham e participam das atividades desde o planejamento até a execução", afirmou.

 

A integração entre os órgãos públicos foi ressaltada pelo presidente da Câmara dos Vereadores, Dr. Joãozinho: "É muito importante a união para o atendimento dessa demanda tão legítima dos nossos munícipes Xavante. É governança para quem realmente precisa", disse o vereador. O recadastramento biométrico é obrigatório para o eleitorado de 26 municípios de Mato Grosso. Atualmente, mais de um milhão de eleitores do estado já fizeram o cadastramento. A expectativa do Tribunal Regional Eleitoral é atingir o percentual de 75% de eleitores cadastrados biometricamente, até o final do prazo, no próximo dia 29 deste mês.

Com apoio da CR Xavante, o recadastramento dos indígenas atende à recomendação do Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso por meio da 9ª Zona Eleitoral. O projeto conta com a participação da Prefeitura Municipal, Câmara de Vereadores, Cartório Eleitoral e Funai.


Assessoria de Comunicação Social/Funai,

com informações da Coordenação Regional Xavante

Destaques

class=Professores indígenas, crianças e anciões da Terra Indígena Kwatá Laranjal participaram da 3ª Oficina do Projeto Ya'õ Etabeg de revitalização da língua Munduruku. O principal objetivo da iniciativa é expandir o ensino...

class=Os Karajá das aldeias Fontoura e Santa Isabel do Morro deram o primeiro passo para a implantação do manejo participativo de pirarucus na Ilha do Bananal (TO). Entre os dias 1º e 7 de agosto, foram realizados cursos voltados...

class=Em apenas 20 dias como presidente da Funai, Marcelo Xavier já recebeu na sede do órgão, em Brasília, mais de 200 indígenas de várias etnias do país. Entre as principais demandas, as lideranças reivindicaram qualidade do...

 
 
 

acesso-informacao

banner 02

logo-ouvidoria

banner 04

banner 05