União de parceiros é destaque na abertura de reunião de técnicos em educação

reuniao educacao 1pA importância do trabalho conjunto e compartilhado para a implementação da educação escolar indígena foi destacada ontem (9) pelo presidente da Funai Márcio Meira, no auditório da Companhia Nacional de Abastecimento – CONAB, na abertura da Reunião de Trabalho com Técnicos em Educação. Eles estão em Brasília para participar do planejamento estratégico do órgão indigenista e das recomendações para a realização das Conferências Regionais de Educação Escolar Indígena, visando a I Conferencia Nacional de Educação Escolar Indígena que acontecerá no mês de setembro, em Brasília.

 

Meira fez questão de esclarecer que o papel da Funai é de articular e coordenar a política indigenista mas, deve ter humildade para reconhecer que não pode fazer isso sozinha, sem a contribuição dos parceiros, e que a união e articulação da Coordenação Geral de Educação da Funai com o Ministério da Educação através da Secretaria de Educação Continuada, Alfabetização e Diversidade de forma integrada e afinada é fundamental para melhorar a qualidade e o acesso dos povos indígenas a educação escolar indígena.

 

"Relembro as palavras do presidente Lula, de que é a primeira vez que se realiza uma Conferência de Educação Escolar Indígena no país", disse Márcio Meira para destacar aos participantes do evento a importância da presença da Funai nessa Conferência.

 

reuniao educacao 2pO diretor da SECAD Armênio Bello Schmidt ressaltou o desafio de qualificar a educação escolar indígena e de vencer preconceitos de gestores estaduais e municipais: "espero que a Conferência seja um espaço para a pactuação, pois só assim os obstáculos dos povos indígenas no acesso à escola serão superados."

 

Para a Coordenadora Geral de Educação Maria Helena Fialho a Funai está cumprindo seu papel institucional de articulação e coordenação das políticas públicas para os povos indígenas e essa reunião tem o objetivo de instrumentalizar todos os técnicos das Unidades Regionais que atuam na educação para esse momento de superação e pactuação no atendimento de uma constante reivindicação dos povos indígenas pela realização da Conferencia Nacional de Educação Escolar Indígena.

 

A reunião prosseguirá até a sexta-feira, 13/02/09, com uma vasta programação onde constam entre outros temas a avaliação do Plano Nacional de Educação; Planejamento estratégico; realização do I Encontro Nacional de Jovens Indígenas e informações sobre Estatuto da Criança e do Adolescente.