Nota de Apoio

A Funai manifesta seu apoio à Mobilização da Articulação dos Povos e Comunidades Tradicionais que reúne indígenas, quilombolas, geraizeros, vazanteiros, pescadores artesanais e apanhadores de flores de diversos estados do Brasil.

 

Nesta segunda-feira, 5 de outubro, a Constituição chega ao seu 27º aniversário e as lideranças tradicionais estão reunidas para uma vigília, na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) da Câmara Federal, a fim de reivindicar a regularização e proteção de seus territórios e se opor à PEC 215/00, entre outras proposições legislativas que tramitam no Congresso e ameaçam direitos já consolidados pela Constituição de 1988.

 

A Funai considera legítima a mobilização dos povos e comunidades tradicionais naquela que é a Casa do Povo e repudia qualquer tentativa de violência que se oponha à democracia, ao direito de manifestação e à livre defesa das garantias previstas por nossa Constituição Cidadã.

 

Fundação Nacional do Índio

05.10.2015

Destaques

class="Se as coisas são inatingíveis, ora! Não é motivo para não querê-las. Que tristes os caminhos, se não fora a presença distante das estrelas!" A frase de Mário Quintana foi citada pela servidora e futura mãe, Rafaela...

class=Cafeicultores das Terras Indígenas Sete de Setembro e Rio Branco, em Rondônia, concorreram a uma premiação de R$ 72 mil distribuídos pelo Concurso Tribos. Os 64 produtores indígenas inscritos tiveram suas amostras de café...

class=A violência contra a mulher não se restringe à violência física ou sexual. Ela pode se apresentar de diversas formas, sendo moral, psicológica, patrimonial ou mesmo institucional. As mulheres indígenas do Estado do Rio...

 
 
 

acesso-informacao

banner 02

logo-ouvidoria

banner 04

banner 05